segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

CAMPANHA DOVE BELEZA REAL

INTRODUÇÃO

Lançada em 2004, em muitos paises a Campanha pela Real Beleza Dove continua a investir na  divulgação e campanhas de mídia que nos mostram diretamente o quanto estamos equivocados com a atual realidade de nossas percepções de beleza e imagem corporal. 

A campanha tinha foco na melhoria daqualidade de vida das mulheres e auto estima. a beleza real se trata da beleza sem ilusões, ou seja, o produto destinado a mulheres de verdade e não estiótipos, comunmente vistos em milhares de produtos espalhados por todo mundo. Esta campanha visa desmascarar litralmente a faceta das capanhas já " batidas" de que mulher bonita tem que ser exemplo de prosperidade e positividade no resultado da capanha e nas vendas dos produtos.

SUJEITO

Seria a beleza Real: Mulhres, o cliente em potencial mulheres que tenham um padrão de beleza aceitável a realidade que não é imposta pela mídia apelativa.

HETEROGEINDADE MARCADA

Neste caso explicitamente está voltada a questão do aumento da autoestima e desenvolvimento da qualidade de vida das mulheres.

IDEOLOGIA

Por sinal, de forma até repetitiva, seria a Beleza Real, a beleza na qual a mulhere em sua generalidade não está ilusioriamente acostumada a ver, mas a beleza que vem de dentro de cada uma delas. Nada mais é a questão da auto estima.

Para melhor ilustrar a campanha segue abaixo comercial DOVE - BELEZA REAL

video

Para entender melhor sobre o assunto exponho aqui meu breve comentário sobre a ánalise do discurso:

O sujeito da Análise do Discurso não é o sujeito das Ciências Exatas, que se diz capaz de explicar o objeto através de um conhecimento imparcial. Um sujeito que está no exterior da realidade pesquisada e que observa o fenômeno com a distância suficiente para assumir um comportamento neutro diante do fato. Para a Análise do Discurso, o sujeito do discurso é histórico, social e descentrado. Descentrado, pois é cindido pela ideologia e pelo inconsciente. Histórico, por que não está alienado do mundo que o cerca. Social, por que não é o indivíduo, mas àquele apreendido num espaço coletivo. “O sujeito de linguagem é descentrado, pois é afetado pelo real da língua e também pelo real da história, não tendo o controle sobre o modo como elas o afetam
Contexto é a relação entre o texto e a situação em que ele ocorre. É o conjunto de circunstâncias em que se produz a mensagem - lugar e tempo, cultura do emissor e do receptor, etc. - E que permitem sua correta compreensão. Também corresponde onde é escrita a palavra, isto é, a oração onde ela se encontra. Sendo assim, o contexto de uso é definido pelo ambiente imediato em que determinado texto está sendo produzido. Este conceito é usado para explicar por que certos textos são ditos ou escritos em ocasiões particulares e por que outros não podem ser. A partir do momento em que o falante lê e ouve, ele faz previsões acerca do que será reproduzido em seguida, influenciado pelo contexto da interação.
O discurso em si é uma construção lingüística atrelada ao contexto social no qual o texto é desenvolvido. Ou seja, as ideologias presentes em um discurso são diretamente determinadas pelo contexto político-social em que vive o seu autor. Mais que uma análise textual, a análise do Discurso é uma análise contextual da estrutura discursiva em questão.
O entrecruzamento de vozes acontece quando há a participação de dois sujeitos em um mesmo discurso, se entrecruzando, mas não havendo desarmonia textual e coerente no texto.
A heterogeneidade marcada, é toda idéia que está explicita no texto, que não necessita da compreensão contextualizada da coisa ou tema abordado no discurso. A heterogeneidade não marcada é aquela está implícita no discurso, ou seja, um sentido mais além do se faz necessário a leitura.
A ideologia por sua vez é a concepção de vida que eu sigo, minha cultura e  tradição que servirá de crítica para embasamento do meu discurso.
Discurso é o levantamento do questionamento transferido em idéias e argumentações e porque não em críticas elencando etapas de análise do referido discurso e seu tema abordado.

Editado e postado por: Deinny Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário